Arroz de frango do campo à minhota

Quando está mais fresquinho e os dias mais cinzentos, lembro-me sempre do Gerês, do cheiro da serra e também dos paladares!
O melhor arroz de cabidela que comi foi no Gerês, a caminho da Senhora da Abadia. E decidi fazer este arroz, apesar de não ter o sangue, a pensar nesse épico arroz de cabidela! Espero que gostem!

Ingredientes:
1 frango do campo, cortado aos bocados e sem pele
1 cebola picada
2 colheres de sopa de azeite
2 dentes de alho picado
100 g de bacon aos cubos
150 ml de vinho tinto
1 ramo de salsa
200 g de polpa de tomate,
Água, sal e pimenta qb
2 chávenas de arroz agulha
vinagre (opcional)

Usei um tacho de barro, mas pode ser feito num tacho normal.
Levar ao lume um tacho com o azeita, a cebola e os alhos picados e deixar refogar um pouco. Quando a cebola começar a ficar douradinha, juntar o bacon e deixar cozinhar um pouco em lume médio, para não queimar a cebola e o alho e o bacon poder largar a sua gordura, São cerca de 5 minutos. Juntar o frango e dourá-lo de todos os lados. Juntar o vinho, a polpa de tomate, a salsa e a pimenta e o sal. Cobrir o frango com água e deixar levantar fervura, depois cozinhar em lume brando, tapado, por cerca de 40 a 45 minutos.
Findo este tempo, confirmar se o frango está cozinhado a gosto, porque sendo frango do campo a carne é mais rija e leva mais tempo a cozinhar, junte o arroz e acrescente mais 2 chávenas de água e envolva tudo e deixar cozer o arroz. Se fizer a receita num tacho de barro, recomendo que desligue o lume, porque o tacho irá manter a temperatura durante mais tempo e vai continuar a cozinhar na mesma.
Servir e temperar com vinagre


Bom Apetite!


Comentários

As preferidas desta semana